quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Tchau!


Hoje, depois de alguns dias consegui chorar, chorei por saber que por mais que eu me esforce nunca serei o bastante, sabe aquela dor que dói em um lugar que você nem imaginava que existia dentro de você? pois é está doendo, e doendo muito!
Parei para colocar as coisas no seu lugar e me descobri tentando ser bom o bastante, prefeito o suficiente. E isso não é sadio para ninguém. Tudo que eu tenho para oferecer esta aqui, e não considero pouco.
Estou de braços abertos dizendo: - estou aqui! Imperfeito, cheio de fraquezas e temores, mas com um coração apaixonado e disposto a fazer você a pessoa mais feliz do mundo. Não te pesso muito, só carinho, atenção, só preciso saber que se importa comigo. Um "bom dia", um "boa noite", "como foi seu dia?" maneiras simples de se preocupar. Construir algo aos poucos, pedrinha por pedrinha!
O que mais dói é saber que não adianta palavras, gestos, demonstrações, nada! não tenho o poder de entrar na sua cabeça e dizer: -"PELO MENOS TENTE ME AMAR!"
Você é o que é, eu sou o que sou... e assim meu coração segue doendo...

E depois disso se fez silêncio e você se foi sem ao menos dizer adeus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário